Publicado em Pensando e Escrevendo

A primeira impressão não é a que fica!

Você nunca terá uma segunda chance para causar uma boa primeira impressão.

Nunca terá mesmo! A primeira, é apenas uma. Mas não vai ser ela que vai ditar quem é e quem não é você.

Quando se conhece alguém, o nosso olhar para a pessoa é em parte uma transferência nossa. A imagem que retorna para o outro já vai distorcida, já que o outro coloca um pouco dele mesmo na imagem que vai para ele. E só o tempo vai mostrar tanto a nós quanto ao outro, uma imagem mais clara e sem tantos pedaços nossos que se juntam ao outro. Mas sempre, sempre mesmo, a imagem que vem não é 100% apenas o outro. Poucas pessoas, digo, pouquíssimas pessoas conseguem ver o reflexo totalmente limpo.

Diante disso, fica bem difícil valorizar na gente o que o outro não valoriza. Difícil perceber que na maioria das vezes, o outro só valoriza em nós o que já faz parte dele, ou mesmo que ainda não tenha, mas deseja. Então, quando o outro não valoriza algo em nós, é porque aquilo não tem importância para ele.

O importante é agir não de acordo com o que esperam da gente, mas de acordo com o que esperamos de nós mesmos.

(Escrevi esse texto a 2 anos atras)

Autor:

Me transformando no que eu sempre quis ser.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s